Lançamento da campanha de incentivo ao consumo de carne suína acontece nessa quarta-feira

Lançamento da campanha de incentivo ao consumo de carne suína acontece nessa quarta-feira

Iniciativa da ABCS, a campanha será realizada em parceria com a ABRAS em supermercados de todo país em 2013 com apoio do MAPA

 

As maiores empresas de processamento de carne suína, líderes da suinocultura, produtores e parlamentares estarão reunidos no lançamento oficial da “Semana Nacional da Carne Suína” que acontece nesta quarta-feira, 12 de setembro, no Salão de Atos do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA).  Convicto da efetividade de uma campanha em todo o país para incentivo ao consumo da carne suína, o Ministro da Agricultura, Mendes Ribeiro Filho, participará do lançamento. “Espero que, com esse apoio e com o engajamento da indústria e dos supermercados nessa campanha de incentivo ao consumo da carne suína, possamos alavancar as vendas e movimentar o mercado”, declara Mendes Ribeiro Filho.

A iniciativa faz parte dos esforços da Associação Brasileira dos Criadores de Suínos (ABCS) para amenizar a crise que afeta o setor de suínos de todo o país. Certa de que o aumento da demanda pode interferir positivamente no mercado de suínos, a entidade buscou o apoio do MAPA e também da Associação Brasileira de Supermercados (ABRAS) para desenvolver a campanha que será realizada em 2013 e pretende atingir supermercados de todo o país.

O objetivo é garantir maior espaço para a carne suína nas gôndolas do varejo, reestruturar o formato, torna-lo mais prático e aprimorar ainda apresentação da carne suína nos pontos de venda, oferecendo uma consistente diversidade de cortes, criando opções dissociadas de gordura. “O lançamento da Semana é uma conquista para o nosso setor, uma iniciativa que poderá trazer resultados representativos para o consumo da proteína. Nossa expectativa é conseguir no futuro inserir essa data no calendário dos brasileiros”, reforça o presidente da ABCS, Marcelo Lopes.

Por meio do Projeto Nacional de Desenvolvimento da Suinocultura (PNDS) a campanha irá capacitar profissionais de açougues a desenvolver diversos cortes suínos, dando continuidade ao trabalho realizado em 10 estados desde 2009. “A campanha não é somente voltada ao cliente final e à ampliação do consumo da carne suína. Trata-se de criar condições estruturais nos pontos de venda de modo a oferecer o produto de acordo com as características desejadas pelos consumidores, como cortes porcionados, com pouca gordura, saborosos e saudáveis”, comenta a coordenadora do PNDS, Lívia Machado.

A campanha pretende quebrar o paradigma dos clientes em relação à carne suína. Atualmente, ainda prevalece entre os consumidores brasileiros a visão segundo a qual a carne suína é um produto questionável para a saúde humana e somente adequada para eventos festivos, por seus cortes grandes, pernil, lombo inteiro para assar, peça grandes de costela.

“Para conquistar esse consumidor e fazer com que perceba a carne suína de maneira diferente é preciso mudar”, comenta o presidente da ABCS, que evidenciou que outros fatores indicam a necessidade de aprimorar o formato da carne suína no grandes centros consumidores. “Hoje o tamanho da família média brasileira diminuiu, caiu de 2,8 filhos por família em 1980 para uma média de 1,4 filhos em 2005, a preocupação com saúde e qualidade de vida não é mais como há 20 anos. Por isso, se desejamos incluir a carne suína definitivamente na cesta de compras do brasileiros a atingir a meta de 18kg até o final de 2015, precisamos oferecer a população formas diferentes de consumir carne suína”, explica.

O vice-presidente da ABRAS, Márcio Milan, acredita nas oportunidades de ganhos que inclusão de novos cortes de carne suína pode oferecer ao setor supermercadista. “A campanha pode ainda fidelizar consumidores, trazer um diferencial às gondolas de carnes e capacitação aos profissionais das redes participantes”, comenta. A expectativa da ABRAS é que a campanha traga resultados positivos como a Semana Nacional do Peixe, realizada pelo Ministério da Pesca e Aquicultura.

 

Fonte: ABCS
Publicado em 11/9/2012

Setor de Indústrias Gráficas (SIG), Quadra 01 – Ed. Barão do Rio Branco, sala 118 | CEP: 70.610-410 | Brasília - DF
Telefone: (61) 3030-3200
Design: Conectando Pessoas