DFSUIN adere ao FNDS com cerca de 100% do plantel do DF

DFSUIN adere ao FNDS com cerca de 100% do plantel do DF

Com a participação do Distrito Federal, o FNDS ultrapassa a marca de 230 mil matrizes

A Associação de Criadores de Suínos do Distrito Federal (DFSUIN) é a mais nova colaboradora do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Suinocultura (FNDS). O termo de adesão foi assinado junto a Associação Brasileira dos Criadores de Suínos (ABCS) na última sexta-feira (15), durante o Fórum de Bem-Estar na Suinocultura, realizado na Feira Internacional dos Cerrados – AgroBrasília. Com a participação da DFSUIN, o Fundo receberá a contribuição de 10 mil matrizes, o que representa quase a totalidade do plantel do DF.

Com o novo reforço, o FNDS, criado no final de 2014, ultrapassa 230 mil matrizes. Idealizada pela ABCS para potencializar o trabalho do setor, a inciativa conta com o apoio de produtores e também da indústria em vários estados. Durante a assinatura do termo de adesão, o presidente da DFSUIN, Ivo Jacó de Souza, comemorou a conquista. “Colaborar para FNDS com grande parte das matrizes do DF representa uma vitória para a Associação”, enfatizou.

Para o presidente da ABCS, Marcelo Lopes, a adesão do Distrito Federal ao Fundo é muito simbólica para a suinocultura brasileira. Embora tenha um plantel pequeno se comparado a outros estados com extensa produção, o DF tem um papel relevante para a atividade como por exemplo o pioneirismo na adoção de normas de bem-estar animal. Além de abrigar a capital brasileira, palco de decisões importantes no âmbito da política que influenciam o dia a dia de produtores de todo o país. “O FNDS é um marco para a suinocultura e a adesão da DFSUIN é muito bem-vinda. Precisamos nos unir para atingir a meta desenhada para manter a sustentabilidade da atividade”, conclamou.

Para atingir o objetivo do Fundo de tornar as ações, realizadas por meio do Projeto Nacional de Desenvolvimento da Suinocultura (PNDS), autossustentáveis, a ABCS traçou a meta de atingir 400 mil matrizes ainda este ano e 800 mil até 2017. Para a coordenadora do PNDS, Lívia Machado, a parceria com a DFSUIN significa mais ações voltadas para o crescimento da suinocultura brasileira. “A cada nova adesão que a ABCS conquista para o Fundo, temos a possibilidade de aprimorar a promoção da carne suína e conquistar novos consumidores para o nosso produto. As adesões das entidades estaduais em números expressivos de matrizes mostram que o setor reconhece e impulsiona o trabalho do PNDS”, ressaltou.

Representando o Sebrae durante a solenidade que confirmou a participação da DFSUIN, o coordenador de suinocultura da instituição, João Fernando Nunes, disse que criação do Fundo pela ABCS atendem as necessidades de contrapartida exigidas pelo Sebrae para apoiar o setor, por meio de seus projetos. “Estamos alcançado resultados que ratificam a importância do trabalho desenvolvido”, concluiu.

Fonte: ABCS
Publicado em 19/05/2015

Setor de Indústrias Gráficas (SIG), Quadra 01 – Ed. Barão do Rio Branco, sala 118 | CEP: 70.610-410 | Brasília - DF
Telefone: (61) 3030-3200
Design: Conectando Pessoas