Fórum de Bem-Estar na Suinocultura chega em Uberlândia

Fórum de Bem-Estar na Suinocultura chega em Uberlândia

Evento reuniu 50 produtores durante a 52ª Exposição Agropecuária de Uberlândia (MG)

Suinocultores de Uberlândia (MG) e região participaram nessa terça-feira (01), do Fórum de Bem-Estar e Integração na Suinocultura realizado pela Associação Brasileira dos Criadores de Suínos (ABCS), em parceria com a Associação dos Suinocultores do Estado de Minas Gerais (Asemg), Associação dos Granjeiros Integrados do Triângulo Mineiro e Alto Parnaíba (Agritap) e Associação dos Produtores Integrados de Minas Gerais (Aproimg). O evento reuniu 50 produtores e integrou as atividades da 52ª Exposição Agropecuária de Uberlândia - Camaru 2015.

A ação, que visa chamar atenção para a importância em se desenvolver planejamentos sustentáveis e economicamente viáveis, bem como discutir o tema do bem-estar animal na suinocultura. Para debater os assuntos, o encontro contou com as palestras: “Bem-Estar Animal: Suinocultura Atenta ao Futuro”, ministrada pelo médico veterinário da Integrall, Iuri Pinheiro; “Departamento Nacional de Integração: Monitoramento da Lei de Integração”, apresentado pelo diretor-executivo da ABCS, Nilo de Sá, além da apresentação do presidente da ABCS, Marcelo Lopes, sobre o Fundo Nacional do Desenvolvimento da Suinocultura (FNDS).

Segundo Lopes, o tema bem-estar não é uma preocupação apenas do setor suinícola, mas uma questão amplamente discutida pela sociedade e governo brasileiro. “Por isso, nosso intuito é ampliar as discussões acerca desse tema, com informações de qualidade e atualizadas, para que os produtores tenham um posicionamento comum em relação a essas demandas”, disse.

Na oportunidade, Lopes falou sobre o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Suinocultura (FNDS). Lançado em 2014 pela ABCS, o Fundo busca angariar recursos para viabilizar ações necessárias para a promoção, desenvolvimento e representação da suinocultura brasileira e promoção da carne suína no país. “A ABCS permanece trabalhando junto as associações estaduais e regionais para que, cada vez mais, o setor se fortaleça”, completou.

Além destes dois temas, o diretor executivo da ABCS, Nilo de Sá, esclareceu os produtores sobre as atividades do Departamento Nacional de Integração, lançado recentemente pela entidade para trabalhar de maneira mais efetiva os interesses dos produtores integrados de suínos. Nilo também aproveitou para atualizá-los sobre a tramitação do Projeto de Lei 6459/2013 da Câmara do Deputados que visa regulamentar os contratos de integração. O executivo ressaltou a importância dos produtores estarem unidos em associações e manter os dados técnicos e econômicos de suas granjas atualizados, “estes registros, centralizados na ABCS por meio de seu departamento, possibilitarão melhores condições de negociação aos produtores perante as suas integradoras e trarão uma relação mais equilibrada entre os dois elos da cadeia produtiva”.

Para Thiago Bianchi, presidente da Associação dos Produtores Integrados de Suínos do Estado de Minas Gerais (Aproimg), o Fórum foi um divisor de águas para a suinocultura e para a cadeia produtiva do Triângulo Mineiro. “Os temas abordados foram de grande valia para os produtores da nossa região. Muitos ainda não tinham a dimensão do trabalho que a ABCS vem realizando em prol da suinocultura brasileira, então o Fórum possibilitou o conhecimento e a atualização sobre as principais demandas do setor”, destacou.

O Fórum de Bem-Estar na Suinocultura integra as atividades realizados pela ABCS, por meio do Projeto Nacional de Desenvolvimento da Suinocultura (PNDS).

 

Fonte: ABCS
Publicado em 02/09/2015

Setor de Indústrias Gráficas (SIG), Quadra 01 – Ed. Barão do Rio Branco, sala 118 | CEP: 70.610-410 | Brasília - DF
Telefone: (61) 3030-3200
Design: Conectando Pessoas