Fórum de Baixa Emissão de Carbono e Bem-Estar Animal será atração na AveSui 2016

Fórum de Baixa Emissão de Carbono e Bem-Estar Animal será atração na AveSui 2016

Ação é realizada pela ABCS, em parceria com o Mapa, IICA e Embrapa Suínos

 

Referência em lançamento de tendências e realização de negócios para o setor de aves e suínos, a AveSui realiza de 03 a 05 de maio de 2016 sua 15ª edição. Com o foco em produção autossustentável, o evento conta com a parceria da Associação Brasileira dos Criadores de Suínos (ABCS), que levará para a feira o Fórum Sobre Suinocultura de Baixa Emissão de Carbono e Bem Estar Animal.

Resultado da parceria entre a ABCS, o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), o Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura (IICA), Embrapa Suínos, e o Sebrae Nacional, o Fórum vai tratar sobre o Plano ABC e o Projeto Suinocultura de Baixa Emissão de Carbono, tecnologias de produção mais limpa, viabilidade econômica e geração de renda a partir de tecnologias de baixa emissão de carbono, oportunidades de financiamento e linhas de crédito, e bem-estar animal. A apresentação está marcada para o dia 04 de maio, a partir das 09h.

Nilo de Sá, diretor executivo da ABCS, comenta a importância da participação da ABCS, junto aos demais parceiros na AveSui 2016. “São dois assuntos muito atuais e de extrema relevância para os produtores. O bem-estar animal é uma forte tendência que deve ser considerada pelos produtores para a avaliação do futuro de seu negócio. Já a suinocultura de baixa emissão de carbono precisa ser vista não só pelas exigências de cunho ambiental, mas também pelas oportunidades de geração de renda através da utilização dos resíduos. Com isso, a ABCS cumpre seu papel de representante dos suinocultores e contribui com a sustentabilidade da cadeia”, destaca.

Segundo Liziè Buss, coordenadora da Comissão de Bem-Estar Animal (CTBEA) do Mapa, o apoio ao evento, por meio do Painel, atende ao termo de cooperação que foi assinado entre o Ministério e o setor suinícola, com o objetivo de sensibilizar a cadeia para o tema. “É essencial que o produtor esteja ciente de que o bem-estar animal é uma ciência, que evolui a cada nova pesquisa, e que para que ele tenha melhores resultados e se mantenha no mercado, com um produto com qualidade ética e seguro, é necessário conhecer e adotar as boas práticas de produção e manejo com animais”, afirma.

Quanto à suinocultura de baixa emissão de carbono, Sidney Medeiros, fiscal federal agropecuário do Mapa, afirma que a abordagem do tema durante a AveSui 2016 vai levar aos suinocultores e outros agentes da cadeia suinícola, informações relativas às tecnologias de tratamento de dejetos com aplicabilidade e potencial de viabilidade econômica, bem como os meios para adotá-las, incluindo as linhas de crédito existentes no mercado.

A participação da ABCS na AveSui também será marcada pela primeira assembleia do setor em 2016, reunindo presidentes das associações afiliadas e lideranças do setor. Além disso, a ABCS planeja mais uma ação de promoção da carne suína, que será realizada por meio do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Suinocultura (FNDS), em que os participantes da feira conhecerão mais do conceito Escolha + Carne Suína, os benefícios, a qualidade e a saudabilidade da proteína.

Andréa Gessulli, diretora de marketing da AveSui, destaca que o Fórum coordenado pela ABCS tem foco na sustentabilidade, e que portanto está atrelado ao tema principal da feira “Transformar: uma forma inteligente de produzir”. “Sendo assim, o painel sobre a suinocultura de baixa emissão de carbono e bem-estar animal tem uma importância de destaque na cadeia não apenas por ser uma ferramenta economicamente rentável mas também por ser possível gerar renda a partir de tecnologias que impulsionem o processo de reaproveitamento de dejetos, por exemplo. Além de que o bem-estar animal é comprovadamente uma maneira rentável e eficiente de produzir. Ambos são temas que vão ganhando novos desdobramentos e são essas características atuais de inovações que buscamos mostrar ao participante da AveSui. Neste contexto, é inquestionável a colaboração essencial da ABCS neste fórum, visto seu reconhecimento ao favorecer o desenvolvimento tecnológico do setor”, afirma.

A AveSui reúne a cada ano um média de 17 mil visitantes e é gratuita para produtores rurais, estudantes, cooperados, funcionários da agroindústria, de frigoríficos e demais convidados das empresas expositoras do Brasil e do exterior. O evento conta ainda com a participação de empresas líderes em diversos segmentos, tais como nutrição, saúde animal, equipamentos, geração de energia limpa e reciclagem animal.

Este ano, além da feira de negócios, o evento traz uma programação completa com os painéis de Biomassa e Bioenergia, Saúde Animal, Reciclagem Animal, Produção Livre de Antibióticos e Consumos Consciente de Recursos - como produzir sem afetar o meio ambiente. Além disso, será apresentado o I Congresso de Zootecnia de Precisão e outras atrações como a Granja Modelo, o Abatedouro Móvel, o Auditório Inovações Tecnológicas, os Pavilhões Internacionais, Feira Biomassa e Bioenergia trazendo a geração de energia renovável dentro da propriedade, a Vitrine de Negócios, o XV Seminário Técnico Cientifico de Aves e Suínos, Exposição de Trabalhos Científicos, entre outros. A AveSui 2016 acontece no CentroSul - Centro de Convenções de Florianópolis, em Santa Catarina.

 

Fonte: ABCS
Publicado em 10/03/2016

Setor de Indústrias Gráficas (SIG), Quadra 01 – Ed. Barão do Rio Branco, sala 118 | CEP: 70.610-410 | Brasília - DF
Telefone: (61) 3030-3200
Design: Conectando Pessoas