Empresas de genética recebem treinamentos de bem-estar animal

Cursos foram realizados em Patos de Minas com colaboradores da DB Genética Suína e Agroceres PIC

Colaboradores das granjas e do setor de transporte da Agroceres PIC e DB Genética Suína participaram nos dias 05 e 06 de setembro de duas etapas dos treinamentos de bem-estar animal realizados pela Associação Brasileira dos Criadores de Suínos (ABCS) e pelo Sebrae Nacional, em parceria com as empresas de genética. Os cursos ocorreram em Patos de Minas-MG, capacitando mais de 100 profissionais da região com o Módulo I – Toda Granja e Módulo II – Transporte.

A ação utiliza como base as Cartilhas de Bem-Estar Animal, que tratam sobre os procedimentos metodológicos das principais rotinas da granja e que foram lançadas em março, por meio de uma iniciativa da Associação Brasileira dos Criadores de Suínos (ABCS), com o apoio do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Embrapa, Sebrae Nacional e da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA).

Nilo de Sá, diretor executivo da ABCS, comenta a importância dos treinamentos realizados em Patos de Minas. “As empresas de genética já são parceiras da ABCS em várias outras ações, como no relacionamento com o Ministério da Agricultura e a reestruturação da Estação de Cananeia. Por isso, entendemos que como grandes formadoras de opinião, é importante que também estejam atentas às práticas de bem-estar animal e todas as demandas dos consumidores e do mercado em relação ao tema”, afirma.

Na primeira etapa do treinamento, Módulo I – Toda Granja, os profissionais aprendem sobre os parâmetros de alojamento e manejo nas granjas que permitem promover o bem-estar dos suínos durante todas as fases do processo de criação. Já no Módulo II, voltado para colaboradores do setor de terminação e transportadores de suínos, foram repassadas informações sobre questões estruturais e de manejo para melhores condições de bem-estar animal nesta fase de produção.

Segundo Robert Gurnet, gerente de produção da DB Genética Suína, os treinamentos atenderem quase todos os profissionais das unidades relacionados ao manejo dos animais. “Foram capacitações bastante proveitosas, uma vez que envolveram tanto a parte teórica quanto a prática. O bem-estar animal já é uma preocupação da DB, e por ser um assunto de extrema relevância optamos por sempre nos informar e debater o assunto".

Jefferson Luís Marcondes, supervisor de produção da Núcleo Genético da Agroceres PIC, também avaliou a realização dos cursos como positiva. “A Agroceres já acompanha todas exigências relacionadas ao bem-estar animal, porque essa é uma questão que vem crescendo no Brasil e que também atende as demandas da sociedade. Nesses treinamentos podemos perceber a boa receptividade dos colaboradores quanto a importância da aplicação das boas práticas de bem-estar animal para o dia a dia nas granjas”.

 

 

Setor de Indústrias Gráficas (SIG), Quadra 01 – Ed. Barão do Rio Branco, sala 118 | CEP: 70.610-410 | Brasília - DF
Telefone: (61) 3030-3200
Design: Conectando Pessoas