Semana italiana prestigia carne suína no interior do Rio Grande do Sul


 
Para a maioria dos brasileiros é sempre uma grande surpresa descobrir que a carne suína participa da receita original desta fabulosa solução nascida em Bolonha, na Itália, o molho à Bolonhesa. Os italianos misturam carne suína e bovina na exata proporção de 50 por cento. E até os participantes da Semana Italiana realizada de 16 à 21 de junho, pela ACCI (Associação Casquense de Cultura Italiana) no  município de Casca, no Rio Grande do Sul, ficaram surpresos com a informação.

Durante o evento a principal atividade foi o Curso de Culinária, direcionado para as merendeiras das escolas municipais e estaduais, nutricionistas dos hospitais e empresas,  cozinheiras de restaurantes locais, além da comunidade de forma geral. Lá, foram preparados pratos típicos, com o diferencial de todos terem como principal ingrediente a carne suína. No curso foram feitos Risotos alla Parmigiana; Polpetas; Tagliatelle ou Tortéi com Ragualla Bolognese, e como sobremesa Tiramissu, ao final do preparo todos se deliciaram com as iguarias.

Segundo a presidente da ACCI, Rosa Três, “a atividade alcançou plenamente os objetivos, pois envolveu a comunidade e ajudou a difundir a carne suína, saudável,  nutritiva e, principalmente, com preço  bem mais acessível. Além disto, populariza ainda mais o emprego deste ingrediente no dia-a-dia, incentivando o consumo e ajudando, desta forma, todos os suinocultores da região, uma vez que a suinocultura é importante base econômica do município”.

A MigPlus, sempre parceira nas ações de estímulo ao consumo da carne, disponibilizou toda os ingredientes para as receitas. “Acreditamos no potencial da carne suína e na qualidade da nossa produção e estar presente nessa semana gastronômica poderá ser o início de uma mudança de hábito da população casquesnse”, comentou o sócio proprietário da empresa, FlaurI Migliavacca.

Para a coordenadora do PNDS, Lívia Machado, é o envolvimento de diversos agentes do setor que traz sucesso para a meta do Projeto, de aumentar o consumo em 2kg até 2012. “Temos ações direcionadas nos estados participantes, mas se cada empresa, cada suinocultor puder dar a sua contribuição com certeza iremos ultrapassar o valor de crescimento estabelecido e, mais importante, consolidaremos a carne suína como uma proteína presente na alimentação dos brasileiros”.

 

 

Setor de Indústrias Gráficas (SIG), Quadra 01 – Ed. Barão do Rio Branco, sala 118 | CEP: 70.610-410 | Brasília - DF
Telefone: (61) 3030-3200
Design: Conectando Pessoas