ABCS cria Diretoria para discutir sistema de integração de suínos


A Associação Brasileira dos Criadores de Suínos (ABCS) se reuniu hoje, 11, com as maiores lideranças da produção integrada de suínos para formalizar a relação dentro da entidade entre produtores integrados e independentes, buscando atender as demandas desse segmento da cadeia. Depois de incentivar a criação do Projeto de Lei 8023 que visa regulamentar as relações contratuais entre produtores e agroindústrias e representa o marco regulatório que pretende oferecer ao produtor segurança jurídica nos contratos de integração, a entidade decidiu quanto à criação de uma diretoria que irá discutir as demandas vindas das associações de suinocultores integrados e participar de reuniões junto à Frente Parlamentar Agropecuária.

Fabiano Coser, diretor executivo da ABCS, destacou o envolvimento da ABCS desde 2005 em relação aos integrados, a criação da Comissão de Aves e Suínos da CNA e a preparação da própria entidade e seu posicionamento em relação à essa questão, destacando a importância de uma força conjunta. “O que estamos falando é trabalhar a favor da integração, com formação em conjunto, agora que estamos preparados para enfrentar essa situação”, afirmou.

Para Vanderli Moraes, integrado da BRFoods em Videira/SC, a união dos  integrados da região à ABCS no intuito de solidificar a relação entre todos os produtores e conseguir buscar em conjunto melhorias para a atividade é o primeiro passo para aproximar entidade e produtores. Segundo a presidente da Associação dos Granjeiros Integrados em Terminação da Perdigão Rio Verde/GO (Aginterp), Débora Ferguson, grande parte dos produtores de integradoras diminuíram seus rendimentos em mais de 35%, se comparado ao ano anterior. “Os valores pagos não atendem as necessidades atuais e inviabilizam o suinocultor em se manter na atividade”, concluiu.

Já o presidente da Associação dos Criadores de Suínos do Rio Grande do Sul (Acsurs), Valdecir Folador, acredita que há necessidade de união das ideias entre associações regionais de integrados às associações estaduais filiadas à ABCS, para que se sintam representadas em entidades nacionais. “É preciso um único posicionamento, para que internamente haja coesão e ai sim, com o engajamento dessas associações nós iremos a nível nacional, via ABCS, acessar as grandes integradoras”.

Marcelo Lopes, presidente da ABCS, destacou o Professor da UnB e suinocultor integrado da Asa Alimentos no Distrito Federal, Josemar Xavier, para concentrar todas as solicitações dos produtores de integrados, para que a ABCS possa dar andamento às demandas o mais rápido possível.

 

 

 

 

Setor de Indústrias Gráficas (SIG), Quadra 01 – Ed. Barão do Rio Branco, sala 118 | CEP: 70.610-410 | Brasília - DF
Telefone: (61) 3030-3200
Design: Conectando Pessoas