ABCS realiza Fórum para discutir integração na suinocultura

Atualmente, 65% da produção brasileira de suínos é coordenada pela agroindústria, num sistema conhecido popularmente como produção integrada. Nesse formato de coordenação, a indústria fornece os insumos ao produtor, que futuramente revende os animais a esta mesma empresa, por meio de uma relação contratual. Diante da grande presença de produtores nesse sistema, a Associação Brasileira dos Criadores de Suínos realizará nos dias 26 e 28 de outubro dois Fóruns de discussão junto aos produtores integrados dos estados de Santa Catarina e Rio Grande do Sul.

Em parceria com a Associação Catarinense dos Criadores de Suínos (ACCS) e também da Associação dos Criadores de Suínos do Rio Grande do Sul (ACSURS) o objetivo do encontro é promover um amplo debate sobre as principais dificuldades enfrentadas pelos produtores que trabalham com esse sistema e também apresentar os principais pontos do Projeto de Lei 8.023/10, da Comissão de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Desenvolvimento Rural (CAPADR), que aguarda análise do Plenário da Casa e também do Projeto do Senado (PLS) 330/11, da senadora Ana Amélia (PP-RS), que está na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) do Senado, em que o relator será o senador Acir Gurgacz (PDT-RO).

Segundo Losivanio de Lorenzi, presidente da ACCS, esse é o momento ideal para que os suinocultores sejam ouvidos e apresentem suas opiniões sobre a atual situação dos contratos e da realidade dessa produção. “Pelo pioneirismo que esses Projetos de Lei que tramitam no parlamento é preciso estar atento à voz do suinocultor, dar a ele essa oportunidade. Com isso, tenho certeza sairemos desse encontro muito mais fortalecidos”, comenta.

A mesma opinião defende o presidente da ACSURS, Valdecir Folador, que acredita no resultado positivo de discussões que integram o produtor de suínos. “A inciativa da ABCS irá beneficiar diretamente nosso suinocultor que terá espaço para levar suas dificuldades. Acredito que juntos possamos buscar caminhos cada vez mais seguros para a atividade”, encerra o presidente.

Por Tayara Beraldi
Publicado em 6 de outubro de 2011

Setor de Indústrias Gráficas (SIG), Quadra 01 – Ed. Barão do Rio Branco, sala 118 | CEP: 70.610-410 | Brasília - DF
Telefone: (61) 3030-3200
Design: Conectando Pessoas