Melhor desempenho dos leitões ao nascimento é tema do QUALIFICASES em Vargem Alta (ES)

Melhor desempenho dos leitões ao nascimento é tema do QUALIFICASES em Vargem Alta (ES)

A ação que tem apoio do PNDS contou com a participação de cerca de 90 produtores e colaboradores

No último dia 24 de julho, a Associação de Suinocultores do Espírito Santo (ASES) desenvolveu o quinto módulo do Programa Anual de Capacitação de Suinocultores (Qualificases) com o tema “Influência dos resultados na maternidade sobre o desempenho dos leitões nas fases seguintes” no município de Vargem Alta (ES). A atividade, que acontece com apoio do Projeto Nacional de Desenvolvimento da Suinocultura (PNDS), contou com a participação de cerca de 90 produtores e colaboradores.

Os presentes na ação puderam conferir novas técnicas e aperfeiçoar conhecimentos. Uma palestra ministrada pela zootecnista da Agroceres Drª. Anália Maria Ribeiro da Silva abordou os aspectos da nutrição das matrizes nas fases de gestação e lactação, e influência no desenvolvimento intra-uterino, peso ao nascimento e peso ao desmame dos leitões e como esses resultados podem interferir no desempenho futuro dos leitões durante o ciclo produtivo.

A zootecnista destacou a evolução no número de nascidos vivos, parto na suinocultura industrial brasileira, correspondendo a um aumento de 1,17 % ao ano, 12,82% nos últimos 11 anos.  Segundo Anália a boa nutrição da matriz no período de gestão é essencial ao desenvolvimento dos leitões com bom peso e baixa taxa de mortalidade.

A especialista chamou atenção para os riscos de doenças nas fases inicias do leitão como a diarreia e o surgimento de refugos. Segundo a zootecnista o manejo adequado na maternidade é crucial, pois, trata-se do início da cadeia produtiva e representa pontos chaves para se extrair o máximo do potencial produtivo dos animais.

Para o representante da Granja São José Flávio Merotto, o curso acrescentou conhecimentos técnicos aos presentes, além de trazer novas visões sobre práticas de rotinas na produção. “As palestras promovidas através do Qualificases tem mostrado uma grande credibilidade, pois temos a certeza de que as informações trazidas pelas empresas parceiras foram levantadas com base na seriedade de suas pesquisas”, destacou.

O diretor-executivo da Ases, Nélio Hand, disse que a adesão do público alvo tem surpreendido a associação. Segundo Hand o aumento da frequência a cada módulo do Qualificase é resultado da escolha de temas que condizem com a realidade do dia a dia nas granjas. “A cada módulo mais produtores participam, isso mostra o compromisso dos suinocultores capixabas com o programa”, ressaltou.

O Qualificases conta com uma programação extensa com diversas capacitações voltadas para o setor suinícola buscando sempre auxiliar na produção de qualidade com foco na rentabilidade do suinocultor. Nessa edição, o programa teve o apoio da Agroceres Multimix e Sebrae-ES.

De olho na capacitação dos produtores do estado, a Ases já marcou, para o dia 25 de setembro, o sexto módulo do Qualificases com o tema “manejo nutricional da reprodutora moderna: um grande desafio”.

Fonte: ABCS com Ases
Publicado em 07/08/2014

Setor de Indústrias Gráficas (SIG), Quadra 01 – Ed. Barão do Rio Branco, sala 118 | CEP: 70.610-410 | Brasília - DF
Telefone: (61) 3030-3200
Design: Conectando Pessoas