ABCS e ASES promovem Fórum de Bem-Estar

ABCS e ASES promovem Fórum de Bem-Estar

Evento aconteceu dentro da 3ª edição da Favesu

Suinocultores do Espírito Santo receberam, no último dia 11, a 4ª edição do Fórum de Bem-Estar que contou com mais de 60 participantes. Promovido pela Associação Brasileira dos Criadores de Suínos (ABCS) e Associação de Suinocultores do Espírito Santo (Ases), o evento aconteceu dentro da 3ª Feira de Avicultura e Suinocultura Capixaba (Favesu), organizada pela ASES nos dias 11 e 12 de junho.

Uma iniciativa do Projeto Nacional de Desenvolvimento da Suinocultura (PNDS) e Fundo Nacional de Desenvolvimento da Suinocultura (FNDS), em parceria com o Sebrae Nacional, o Fórum objetiva levar informações de atuais sobre boas práticas de manejo animal para que o produtor possa avaliar qual o modelo mais adequado à sua realidade e quais as políticas públicas que estão à sua disposição para implantar ações e práticas de bem-estar em sua propriedade antes destas se tornarem uma exigência normativa ou mercadológica.

Para o diretor executivo da ASES, Nélio Hand, os produtores de suínos precisam estar atendo as exigências de BEA e tendências do mercado. “O setor precisa está cada vez mais engajado nesse debate para que não seja surpreendido por mudanças que não correspondam à realidade da nossa produção”, constatou.

O Fórum de ES foi aberto com palestra do médico veterinário, Iuri Machado, que apresentou um panorama mundial sobre a implantação de normas de bem-estar animal (BEA) nos principais países produtores, pontuando seus benefícios e dificuldades.

O produtor Wilber Sobreiro da cidade de Vila Velha participou do Fórum e destacou a importância do tema. “Esse assunto é muito atual e recorrente dentro do setor. Quem está no ramo sabe que a mudança acontece e é preciso estar preparado”, disse.

No Brasil, tem sido bastante fomentado o debate sobre a adoção de baias coletivas para as matrizes em gestação. O veterinário reforçou, contudo, que as boas práticas abrangem muitos outros aspectos que incluem todas as fases do manejo desde o nascimento até o abate. Ele lembrou que muitas medidas que atendem as exigências de bem-estar podem ser aplicadas sem a necessidade de máquinas eletrônicas para alimentação ou grandes investimentos estruturais.

Além do Espírito Santo, o Fórum já passou pelo estado do Paraná, Rio Grande do Sul e pelo Distrito Federal. Nos estados do Sul, também foi incluída na programação palestra sobre integração, uma vez que a maioria da produção dessa região é integrada.

Fonte: ABCS
Publicado em 25/06/2015

 

Setor de Indústrias Gráficas (SIG), Quadra 01 – Ed. Barão do Rio Branco, sala 118 | CEP: 70.610-410 | Brasília - DF
Telefone: (61) 3030-3200
Design: Conectando Pessoas